Tecnologia do Blogger.

sexta-feira, 25 de setembro de 2015

HOTEL ADRIATTICO EM PORTO SEGURO

A realização da Jornada de Trabalho de Árbitros no dia 19 de Setembro, com a apresentação da Escola de Árbitros da Bahia - BahiaRef, teve alguns apoios que a Federação de Rugby não pode deixar de referir.

A Prefeitura de Porto Seguro, através da Secretaria de Esportes, cedeu as instalações onde se realizou a Jornada, além de ter cedido também o magnífico Estádio Agnaldo Bento dos Santos onde aconteceu o encontro entre os Toruks e os Orixás, e ainda o terceiro tempo que reuniu as duas equipas os árbitros e alguns convidados.

O Café HR na rotunda do relógio cedeu os seus monitores de TV para que fosse possível assistir aos jogos do Mundial, que aconteceram durante o final de semana, e serviu de ponto de encontro para todos os que participaram dos eventos do final de semana.

Finalmente o Adriattico Porto Hotel - uma excelente unidade hoteleira, no centro da cidade, com tudo o que se pode desejar para uma estadia tranquila e amistosa - apoiou a iniciativa cedendo o alojamento para os convidados da Federação, e não é demais referir a qualidade dos seus equipamentos e a simpatia do seu pessoal, em especial do seu gerente, sr, Marcos Gallani, a quem a Bahia Rugby agradece pessoalmente.

Toda a simpatia recebida leva a Federação de Rugby da Bahia a congratular-se pela escolha da cidade de Porto Seguro para o lançamento da Escola de Árbitros, e a agradecer publicamente a todos os que apoiaram a iniciativa.

domingo, 20 de setembro de 2015

TORUKS VENCEM BAIANO DE XV EM 2015

Os Toruks de Porto Seguro venceram ontem o desafio da terceira e última jornada do Baiano de Rugby XV, frente aos Orixás de Salvador, por 44-12, e são o novo campeão estadual de rugby XV!

A jornada de rugby na cidade incluiu a inauguração da Escola de Árbitros de Rugby da Bahia e foi marcada por diversos fatos que a Federação de Rugby da Bahia não pode deixar de referenciar.

LIGA DE FUTEBOL DE PORTO SEGURO E PREFEITURA DA CIDADE
O jogo realizou-se no estupendo Estádio Agnaldo Bento dos Santos, graças à visão da Secretaria de Esportes de Porto Seguro e à colaboração e incentivo da Liga de Futebol da cidade, que desde o início apoiou a iniciativa e acompanhou o desenrolar da jornada.

A Federação de Rugby da Bahia não pode deixar de saudar e agradecer aos dirigentes da Liga de Futebol de Porto Seguro, Sr. Cristiano Ferreia e sua Diretoria, a sua visão e disponibilidade que contrasta claramente com o espírito mesquinho e redutor da Liga Valenciana de Futebol que prejudicou a jornada final da Copa Velho Chico realizada naquela cidade do Baixo Sul.

Em Porto Seguro o rugby jogou no estádio Agnaldo Bento dos Santos no sábado, e no domingo a seleção de Porto Seguro, no mesmo estádio, disputou a primeira mão da segunda fase do Intermunicipal de Futebol.

Em Valença, no dia 8 de Agosto passado, a Liga Valenciana e a Prefeitura Municipal, impediram a realização da jornada da Copa Velho Chico no Estádio António Sereia, e a seleção valenciana de futebol apenas tinha jogo no final de semana seguinte, em 16 de Agosto.

Duas atitudes contrastantes que envergonham o município de Valença, e que enaltecem o espírito esportivo da Liga de Futebol de Porto Seguro e a respetiva Prefeitura.

ESCOLA DE ÁRBITROS
Concretizou-se o lançamento da Escola de Árbitros - BahiaRef, com a presença e inestimável colaboração dos árbitros Marcelo Toscano e Bernardo Ordoñes, a quem a Federação de Rugby da Bahia agradece a disponibilidade e categorizada colaboração.
A jornada de trabalho dos árbitros decorreu em ambiente de grande participação e foi certamente o pontapé de saída para uma nova fase da vida do rugby na Bahia.

ORGULHO DE SER PRESIDENTE
(texto do Presidente da Federação de Rugby da Bahia)
A atual gestão federativa apenas viu a Ata da Assembleia Geral da sua nomeação registrada no Cartório no passado dia 15 de Setembro, devido à greve do judiciário que afetou aqueles serviços.

Neste momento - e conforme prometido na altura da sua nomeação em 8 de Agosto - a Comissão de Gestão da FRB já garantiu o cumprimento das obrigações federativas perante a Fazenda e procedeu a todos os registos que permitem à Federação afirmar-se como parceiro social no âmbito do Esporte no Estado da Bahia e no Brasil
Esse é o primeiro motivo do orgulho que sinto em ser Presidente da Federação, em especial pela colaboração e permanente incentivo que tenho recebido não apenas dos restantes membros da Comissão de Gestão, Diego Hamilton Reis, Vice Presidente, e Nilo Pabulo de Souza, Tesoureiro e grande responsável pelo cumprimento das obrigações acima referidas, como dos Diretores que foram por nós nomeados e que nos têm aconselhado diariamente, e cumprido as tarefas que lhes tenho atribuído, a Danielle Lopes, o André Soares, o Gilmar Pereira, o Jorge Monteiro, e, desde a passada semana, o Bernardo Ordoñes.

A realização da jornada de rugby em Porto Seguro, que foi da inteira responsabilidade dos Toruks e do seu Presidente Diego Hamilton dos Reis, é outro dos motivos do orgulho que sinto, porque vejo que existem muitas pessoas na Bahia que querem - e dão o necessário passo em frente - ajudar o rugby a crescer e o fazem com uma generosidade que temos que distinguir.

Os Orixás perderam o jogo - a derrota foi pesada e vai servir de incentivo para novos desafios - mas o seu comportamento em campo durante os 80 minutos, e o seu comportamento fora de campo durante a festa de confraternização que se seguiu, o espírito de rugby que demonstraram, a sua alegria e camaradagem, são mais um dos motivos porque me orgulho de ser Presidente da Federação de Rugby da Bahia!

A todos os que têm trabalhado pelo futuro do rugby na Bahia, devidamente enquadrados pela Federação, e com o verdadeiro Espírito dos Homens e das Mulheres do rugby, agradeço pessoalmente e transmito o orgulho que sinto por ter aceite o cargo para que me convidaram e nomearam!

quinta-feira, 17 de setembro de 2015

ASSISTA AO JOGO INAUGURAL DO MUNDIAL EM BOA COMPANHIA

Amanhã, sexta feira 18 de setembro pelas 16 horas, terá início o Mundial de Rugby 2015, com a realização do jogo Inglaterra-Fiji, em Twickenham - a Catedral do Rugby.

Aproveitando a realização do jogo Toruks-Orixás em Porto Seguro, convidam-se todos os amantes da modalidade a assistirem ao jogo do Mundial no Café HR, na Praça do Relógio, numa grande jornada de confraternização entre gente que partilha a mesma paixão.

Não falte!! Vai ser uma ocasião única!

quarta-feira, 16 de setembro de 2015

JORNADA DE TRABALHO PARA ÁRBITROS DE RUGBY EM PORTO SEGURO

Conforme já foi anunciado a Escola de Árbitros da Bahia - BahiaRef - vai ter a sua sessão inaugural no próximo sábado, em Porto Seguro, com a participação do árbitro Marcelo Toscano (que apitará o encontro entre os Toruks e os Orixás) e do recém nomeado Diretor da BahiaRef, o árbitro baiano Bernardo Ordoñes.

As inscrições para esta jornada terminam hoje, dia 16 de setembro às 18 horas, e devem ser feitas através deste site, na etiqueta Cadastro - Árbitros, ou diretamente com a Diretora responsável pela Secretaria da Federação, Danni Lopes, pelo e-mail contato@bahiarugby.com.br ou pelo celular ou WhatsApp (77) 8804 5140.

Local da reunião de Árbitros: Câmara Municipal de Vereadores, Praça ACM, Centro.

Veja aqui o horário da Jornada de Trabalho:

8,30 horas: Apresentação da Bahia Ref feita pela Comissão de Gestão da FRB;
9,00 horas: intervenção de Marcelo Toscano subordinada ao tema "A importância da Arbitragem no Desenvolvimento e Crescimento do Rugby na Bahia;
10,00 horas: intervenção de Bernardo Ordoñes, que abordará em especial a questão do posicionamento do árbitro em campo;
11,00 horas: intervalo para o almoço dos participantes;

11,15 horas: Conferência de imprensa de lançamento da BahiaRef;

13,30 horas: Regresso aos trabalhos e Assistência à apresentação dos índios Pataxós.
14,00 horas: Assistência organizada ao jogo Toruks-Orixás com apreciação do trabalho do árbitro, dirigida por Bernardo Ordoñes.
16,00 horas: Reunião da Escola de Árbitros, com avaliação do trabalho desenvolvido e anúncio das ações a levar a cabo no futuro.

Chamamos a atenção para o horário de início da Jornada, que deve ser rigorosamente cumprido, já que ele se encontra articulado com outras manifestações que integram o fim de semana de rugby em Porto Seguro.

terça-feira, 15 de setembro de 2015

DECISÕES SETEMBRO 2015

DECISÕES DO CONSELHO DE GESTÃO - SETEMBRO 2015

1
Data e Horário: Aos 15 dias do mês de setembro de 2015, às 13:00 horas.
Local: Reunião via Skype.
Presentes: Manuel Augusto Rosendo Ribeiro Cabral, Presidente, Diego Hamilton Silva dos Reis Vice Presidente e Nilo Pabulo Braga Maia de Souza Tesoureiro.
Ordem do dia: Aprovação da Logomarca da Escola de Árbitros da Bahia

Depois de ouvida a opinião dos seguintes Diretores, André Soares, Gilmar Pereira, Danni Lopes e Bernardo Ordoñes, foi aprovada a logomarca que se anexa para identificar a Escola de Árbitros da Bahia - BahiaRef.
O Conselho de Gestão agradece a Isis Purificação que elaborou o desenho, e a parabeniza pela qualidade do mesmo.

ANEXO:


quarta-feira, 9 de setembro de 2015

REGULAMENTO DOS ESTADUAIS DE SEVENS 2018


FEDERAÇÃO DE RUGBY DA BAHIA
REGULAMENTO DOS CAMPEONATOS
BAIANOS DE SEVENS 2018

1. DEFINIÇÕES

Os Campeonatos Estaduais de Sevens disputam-se nos escalões Adulto e Juvenil, Masculino e Feminino, e este Regulamento aplica-se a todos os escalões.

2. TORNEIOS

Os Torneios desenrolam-se com uma fase de grupos e uma fase eliminatória, onde se jogarão até quatro troféus, por ordem decrescente de importância, a saber:

Copa de Ouro, Copa de Prata, Copa de Bronze e Copa de Presidente.
Para cada Torneio será nomeada uma Direção de Torneio.
Simultaneamente aos Campeonatos Baianos, poderão ser disputados Torneios Abertos, com regulamento a definir, depois de encerradas as inscrições.

3. DIREÇÃO DE TORNEIO (DT)

A organização dos Campeonatos Estaduais de Sevens é da responsabilidade direta da Diretoria da FRB que nomeará a respetiva Direção de Torneio.

A DT é composta por um Presidente, um Chefe de Campo (CHC) e dois Secretários, e é responsável por todos os aspectos de organização, preparação, divulgação e desenvolvimento da competição.

A DT deve apresentar à Diretoria da FRB, para aprovação, no prazo máximo de 4 dias corridos após a conclusão do respectivo Torneio, o seu relatório e contas.

4. CHEFE DE CAMPO

O CHC é responsável pela Mesa do Torneio, que tem por função garantir o cumprimento dos horários dos jogos, controle da chegada dos times e sua apresentação antes de cada jogo, controle do tempo de suspensão de cada jogador expulso temporariamente, controle de cores de uniformes, distribuição de água mineral e lanches, quando os houver, anúncio dos jogos e resultados através do sistema sonoro, etc.

Na ausência de um delegado da BahiaRef, competirá ao CHC a nomeação das equipes de arbitragem para cada jogo.

5. DATA E LOCAL DE REALIZAÇÃO

Os Campeonatos Estaduais de Sevens de 2018, serão disputados no Estádio de Pituaçu, em Salvador, nos dias 20 e 21 de outubro.

6. TIMES PARTICIPANTES

Os Campeonatos Estaduais de Sevens são reservado a times masculinos e femininos de clubes filiados à FRB, com as suas obrigações para com a entidade devidamente regularizadas, nomeadamente as financeiras.
Cada Clube só poderá apresentar um time em cada Campeonato Estadual de Sevens Adulto.

§   único A FRB poderá convidar times de clubes não filiados, ou segundos times de clubes filiados, desde que tal seja conveniente à organização da competição, nomeadamente para completar um grupo competitivo, nos termos do ponto 4 do Artigo 4º do Regulamento Geral de Competições.

7. CLASSIFICAÇÃO DOS CAMPEONATOS ESTADUAIS DE SEVENS

O Clube a que pertence o time que vencer cada competição será declarado Campeão Baiano de Sevens do respectivo escalão de 2018.

8. REGULAMENTO DOS TORNEIOS

8.1 Os Torneios serão controlados pela Direção de Torneio, e as suas decisões são inapeláveis, nomeadamente no que diz respeito a casos omissos neste Regulamento ou no Regulamento Geral de Competições, ou na interpretação destes Regulamentos.
8.2 Todos os jogos serão disputados de acordo com as Leis do Jogo de Rugby Sevens.

8.3 Cada jogo terá dois tempos de sete minutos com um minuto de intervalo.
8.4 Cada time será constituído por um mínimo de oito jogadores e um máximo de 12.
8.4.1 Para este ano, serão admitidos jogadores nascidos antes de 1 de Janeiro de 2001, para as competições de Adultos e jogadores nascidos depois de 31 de dezembro de 2000 para as competições de Juvenis.

8.4.2 Em nenhuma circunstância será autorizada a participação no Torneio de indivíduos suspensos por uma Associação/Federação, Confederação/Organismo Internacional de Rugby.

8.4.3 Todos os jogadores deverão estar devidamente cadastrados na FRB e no CNRU.

8.4.4 Qualquer jogador expulso durante um jogo da competição não poderá participar em mais qualquer jogo do Torneio.

8.4.5 Os jogadores que receberem o cartão amarelo deverão cumprir a suspensão de 2 minutos fora de campo, junto da mesa da Direção do Torneio. O tempo da suspensão começa quando o jogador chega junto à mesa da Direção, e será controlado por esta, que sinalizará ao árbitro o termo da suspensão, mas apenas o árbitro da partida pode autorizar o regresso do jogador ao campo, devendo este retorno efetuar-se em frente à mesa da Direção do Torneio.

8.4.6 Se no decorrer da prova um time não se apresentar em campo, no início de cada jogo, com um mínimo de seis jogadores, não será autorizada a participar nesse jogo.

8.4.7 Se no decorrer do jogo o time se vir reduzido a menos de cinco jogadores, por força de lesão, punição ou qualquer outro, o jogo será interrompido e o time não infrator declarado vencedor pelo resultado que se registrava na altura da interrupção, ou pelo resultado de 28-0 com registro de quatro tries, conforme seja mais favorável a este time.

8.5 Cada Torneio será disputado por um mínimo de três times.

8.6 Em caso de necessidade de desempate na fase de grupos aplica-se o disposto no Artigo 9º do Regulamento Geral de Competições.

8.6.1 Nos jogos eliminatórios em que se verifique um empate no término do tempo regulamentar os times mudarão de campo, após um intervalo de dois minutos, e continuarão a jogar por períodos de cinco minutos sem qualquer intervalo.

8.6.2 O jogo terminará quando uma das equipes marcar pontos na concretização de um try ou de um chute de drop (Morte Súbita).

8.7 Os capitães dos times apresentar-se-ão à Direção do Torneio à sua chegada ao recinto de jogo até 60 minutos antes da hora marcada para o seu primeiro jogo, preenchendo a respectiva Ficha de Identificação de Time, e serão também responsáveis pela apresentação do time ao Chefe de Campo no intervalo do jogo anterior aquele em que devam participar.

8.7.1 Em caso de atraso os times poderão ser desclassificados.

8.8 Os árbitros e os juízes de linha para o Torneio e para cada jogo serão designados pela BahiaRef.

8.9 A participação dos times e dos Jogadores e Dirigentes, Treinadores ou outros acompanhantes nos Torneios do Circuito de Sevens da Bahia está sujeita ao pagamento das Taxas previstas no ponto 10. deste Regulamento.
8.9.1 A confirmação da participação faz-se com o pagamento da Taxa de Inscrição até ao dia 1 de outubro de 2018.
8.9.2 Considera-se uma falta grave o não comparecimento de um time que se tenha inscrito nas competições, e em nenhuma circunstância haverá lugar à devolução da Taxa de Inscrição.

8.10 Qualquer alteração que a FRB decida introduzir no presente Regulamento, será publicada através do site da FRB, até ao dia 10 de outubro.


8.11 Os Torneios serão organizados, sempre que possível, de acordo com o seguinte quadro:

9. ESCLARECIMENTOS


9.1 Um jogador de um time, participando dos Campeonatos Estaduais de Sevens da Bahia, não poderá disputar nenhum jogo por nenhum outro time, independentemente do seu escalão etário, no prazo de 24 horas antes do início do Torneio em questão, e até 24 horas depois do seu término.

9.2 No decorrer da competição, um time que na sua apresentação à Direção do Torneio não tenha apresentado 12 (doze) jogadores, será autorizada a inscrever jogadores para completar o número máximo de integrantes autorizados, no decurso da competição.

10. TAXA DE PARTICIPAÇÃO
10.1 Os times representando clubes filiados a FRB pagarão cada um, uma Taxa de Inscrição no valor de R$100,00 (cem reais);
10.2 Os times representando clubes não filiados a FRB pagarão cada um, uma Taxa de Inscrição no valor de R$200,00 (duzentos reais);
10.3 Todos os participantes (jogadores, técnicos, dirigentes e outros) deverão pagar uma Taxa de R$6,00 (seis reais) para as despesas com o terceiro tempo.



quinta-feira, 3 de setembro de 2015

TRANSPARÊNCIA - COMISSÃO DE GESTÃO APRESENTA BALANCETE

Cumprindo a anunciada intenção de completa transparência quanto às suas decisões e fluxo financeiro, a Comissão de Gestão da Federação de Rugby da Bahia distribuiu hoje às suas afiliadas o Balancete correspondente aos primeiros dias da sua atividade, com uma completa informação sobre as suas Receitas e as suas Despesas.

Normalmente esta informação adicional deveria ser dirigida ao Conselho Fiscal da Federação, mas na sua ausência - a FRB apenas terá um Conselho Fiscal após a realização das eleições estatutariamente determinadas - a Comissão de Gestão resolveu enviá-la a todas as suas filiadas, publicando no seu site uma informação que embora não entre no detalhe das Receitas e Despesas, reflete exactamente a situação da FRB.

Note-se que dado que a anterior gestão se comprometeu a prestar contas até ao dia 19 de Setembro, apenas nessa altura será possível indicar o saldo transitado, e assim a prestação de contas da Comissão de Gestão abre com saldo nulo.

CALENDÁRIO OFICIAL 2019

CALENDÁRIO OFICIAL 2019