Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Fevereiro, 2019

SEM FILIAÇÃO, BAHIARUGBY CONTINUA A TRABALHAR NO DESENVOLVIMENTO

Enquanto aguarda uma decisão final sobre a sua filiação, já que a causa da recusa em aceitar a filiação afinal se resume à existência na Bahia de um árbitro nível 2 World Rugby e não de dois árbitros daquele nível, a Federação de Rugby da Bahia continua a trabalhar na promoção do desenvolvimento, tendo realizado nos dias 16 e 17 de fevereiro um estágio para atletas juvenis do semiárido.

Contando com a colaboração de três técnicos da TreinaBahia - Escola de Treinadores da Bahia - o estágio teve lugar na cidade de Adustina e contou com a presença de 57 atletas daquela cidade que receberam capacitação em Clínicas de Scrum, Lateral e Habilidades Individuais Gerais.

Os treinadores presentes deslocaram-se desde Porto Seguro numa viagem de mais de 1.850 km, que durou mais de 27 horas de condução, e trabalharam com os jovens do semiárido  durante 16 horas (4h de teoria e 12 h de prática), sem receberem qualquer remuneração ou ajuda de custo, no mais puro espírito amador que governa o rugby d…

CBRU NEGA DIREITO DE FILIAÇÃO DA FEDERAÇÃO DE RUGBY DA BAHIA

FEDERAÇÃO DE RUGBY DA BAHIA CNPJ N° 10.671.439/0001-08 Pessoa Jurídica de Direito Privado de Fins Não Econômicos Instituição de Utilidade Pública
PEDIDO DE FILIAÇÃO A CBRU COMUNICADO DO CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO
A Federação de Rugby da Bahia tomou conhecimento através da imprensa - Portal do Rugby, 18 de fevereiro de 2019 - da decisão da Confederação Brasileira de Rugby de recusar o pedido de filiação apresentado pela FRB em 27 de dezembro de 2016.

De acordo com as notícias publicadas, essa decisão foi tomada na reunião do Conselho de Administração da CBRu do passado dia 4 de Fevereiro, invocado o não cumprimento por parte da FRB dos "requisitos previstos no art. 17, IX do Estatuto Social da CBRu, ou seja, não ter 4 árbitros de nível II certificados pela World Rugby" (Veja aqui a notícia do Portal do Rugby e a Ata da Reunião).

A Federação de Rugby da Bahia não considera apropriado que esta matéria seja tratada na imprensa devendo antes ser tratada por via do contato direto entre …