Pular para o conteúdo principal

PLANO DE GESTÃO PARA 2018


FEDERAÇÃO DE RUGBY DA BAHIA
PLANO DE GESTÃO
LINHAS BÁSICAS DE AÇÃO 2018-2019

1 – OBJETIVOS ESTRATÉGICOS

1.1 FILIAÇÃO A CBRU;
1.2 DESENVOLVIMENTO DAS REGIÕES DE RUGBY DA BAHIA;
1.3 CRIAÇÃO DE UM MODELO DE PROJETO SOCIAL, COM BASE NA PRÁTICA DO RUGBY,
       ADAPTÁVEL ÀS DIVERSAS REGIÕES DE RUGBY DA BAHIA;
1.4 INICIAÇÃO DE AÇÕES DE CAPTAÇÃO DE APOIOS;
1.5 APROFUNDAMENTO DA DIVULGAÇÃO DO RUGBY ATRAVÉS DA MÍDIA;
1.6 DIVULGAÇÃO E SENSIBILIZAÇÃO EM RELAÇÃO AOS VALORES DO RUGBY.


2 – ATIVIDADE ESPORTIVA

Organização das seguintes competições e atualização dos respetivos regulamentos:

2.1 CAMPEONATO BAIANO DE RUGBY XV;
2.2 DESAFIO BAIANO DE RUGBY XV;
2.3 CAMPEONATO BAIANO DE RUGBY SEVENS;
2.4 CIRCUITO BAIANO DE RUGBY SEVENS;
2.5 TORNEIO REGIONAL SUL DE RUGBY SEVENS;
2.6 TORNEIO REGIONAL NORTE DE RUGBY SEVENS;
2.7 TORNEIO BAIANO DE BEACH RUGBY.

3 – ORGANIZAÇÃO

3.1 FORTALECIMENTO DA ESTRUTURA INTERNA;
3.2 DESENVOLVIMENTO DA ATUAÇÃO DA ESCOLA DE ÁRBITROS DA BAHIA (BAHIAREF);
3.3 PLENO FUNCIONAMENTO DA ACADEMIA DE RUGBY DA BAHIA (TREINABAHIA);
3.4 FORTALECIMENTO DO CADASTRO DE JOGADORES, TREINADORES E ÁRBITROS;
3.5 IMPLEMENTAÇÃO DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DESPORTIVA;
3.6 FORTALECIMENTO DA POLÍTICA DE TRANSPARÊNCIA.

4 – CALENDÁRIO PARA 2018
Em anexo




1 – OBJETIVOS ESTRATÉGICOS
O segundo ano da gestão do atual Conselho de Administração e Diretoria da Federação de Rugby da Bahia criou condições para o desenvolvimento da atividade federativa, nomeadamente através de um ganho de credibilidade perante a opinião pública, as entidades municipais e estaduais e os praticantes, graças ao trabalho contínuo e a atividade esportiva organizada e coordenada que foi levada a cabo.
A Federação de Rugby da Bahia vai concentrar os seus esforços na luta pela filiação à CBRU, como seu principal objetivo para 2018, depois de ver a sua admissão pré-aprovada pela Confederação, condicionando grande parte da sua atividade a este objetivo concreto.

1.1 FILIAÇÃO A CBRU
Apresentado o pedido formal de filiação à CBRU no mês de Dezembro de 2016, a FRB foi informada no final do mês de Novembro de 2017 que o seu pedido tinha sido pré-aprovado pela CBRu, ficando apenas dependente de uma visita fiscalizadora a ser levada a cabo até Maio de 2018, pelo que se impõe que tudo esteja em perfeita ordem para poder receber a aprovação plena por parte da Confederação.

1.2 DESENVOLVIMENTO DAS REGIÕES DE RUGBY DA BAHIA;
Pretendemos prosseguir no sentido de criação de Regiões de Rugby fortes, que possam desenvolver a modalidade com centro nas cidades indicadas.

1.3 CRIAÇÃO DE UM MODELO DE PROJETO SOCIAL, COM BASE NA PRÁTICA DO RUGBY,
ADAPTÁVEL ÀS DIVERSAS REGIÕES DE RUGBY DA BAHIA;
Pretendemos fomentar a criação de ações de cariz social, associadas ao rugby, e às Regiões de Rugby que já existem.

1.4 INICIAÇÃO DE AÇÕES DE CAPTAÇÃO DE APOIOS;
É indispensável que a FRB tenha uma ação importante de captação de recursos financeiros, e depois de um ano de organização da estrutura federativa, é tempo de começarmos a tentar explorar a captação de recursos.

1.5 APROFUNDAMENTO DA DIVULGAÇÃO DO RUGBY ATRAVÉS A MÍDIA;
Da mesma forma é importante que se explore a divulgação da modalidade nos mídia, pela criação de um grupo interno especializado nessa área, que inclui os meios áudio (radioweb) e a elaboração e divulgação de vídeos associados à implementação de cursos técnicos on-line, e à divulgação dos jogos oficiais realizados no âmbito da FRB.

1.6 DIVULGAÇÃO E SENSIBILIZAÇÃO EM RELAÇÃO AOS VALORES DO RUGBY.
 Prosseguir na divulgação dos valores do rugby, fazendo condicionar todo o desenvolvimento aos cinco princípios básicos que devem nortear toda a atividade de rugby na Bahia

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

CALENDÁRIO PARA 2019

A Federação de Rugby da Bahia publica hoje, nos termos dos seus estatutos e regulamentos, o seu calendário de actividades para 2019, incluindo as competições oficiais, as acções de formação e a data das assembleias gerais ordinárias, que pode consultar no quadro em anexo. Esta calendário é provisório e será apresentado à Assembleia Geral que se realizará ainda este mês para ratificação.

MELHORES DO ANO 2019 COMO RECONHECIMENTO DO ESFORÇO E DEDICAÇÃO DE TODOS!

Pelo terceiro ano consecutivo a BahiaRugby procedeu à escolha dos melhores do ano, com a colaboração de todos os treinadores dos times em atividade no âmbito da Federação de Rugby da Bahia. Pela segunda vez este ano foi possível fazer a escolha no escalão juvenil, aquele que é o grande objectivo da Federação e que constitui a única forma de garantir o desenvolvimento e sustentabilidade do rugby na Bahia. Fiquem com a relação dos premiados deste ano, e que esta pequena homenagem sirva de estímulo a todos os que de uma ou outra forma foram infectados pelo rugby! MELHORES DO ANO BAHIA RUGBY 2019 REVELAÇÃO FEMININO 1º LUGAR: Yasmin Vitória Castro Dias   (Adustina) 2º LUGAR: Adriely Santana Costa (Adustina) 3º LUGAR: Juliana Silva Félix dos Santos (Adustina) REVELAÇÃO MASCULINO 1º LUGAR: José Deivison Santos Andrade (Adustina) 2º LUGAR: Jordan Sousa (Porto Seguro) 3º LUGAR: Vinicius Antônio dos Santos (Serigy) MELHOR ATLETA RUGBY SEVENS JUVENIL FEMININO 1º LUGAR: J

ASSEMBLEIA APROVA ALTERAÇÕES AOS ESTATUTOS

A Assembleia Geral Extraordinária da FRB que se realizou no passado dia 15 de novembro, aprovou na íntegra as propostas que foram apresentadas, pelo que o ato eleitoral que se avizinha já se regerá por essas mesmas alterações, no que se aplicar. São três as alterações aos Estatutos e as duas primeiras dizem respeito ao reconhecimento da participação em competições oficiais pelos Clubes Aderentes, e ainda estabelece o seu direito a voto nas Assembleias, o que passa a acontecer após a introdução do Regulamento do Clube Aderente em 2016. A terceira alteração prolonga, até decisão específica da própria Assembleia Geral, a excepção que já se encontrava em vigor em relação à participação de dirigentes de clubes ou de associações, de árbitros e treinadores no ativo, nos órgãos de gestão da FRB. A Assembleia aprovou também a suspensão da filiação a clubes que não tenham cumprido as suas obrigações estabelecidas no artigo 11º h) dos estatutos, embora com a ressalva de alterações de situ