Pular para o conteúdo principal

APROVADAS ALTERAÇÕES QUE ENTRAM IMEDIATAMENTE EM VIGOR

A Diretoria da FRB aprovou para entrada imediata em vigor, algumas alterações ao Regulamento Geral de Competições e ao Código de Disciplina que pretendem dissuadir as fraudes na utilização de atletas em jogos oficiais, uma orientação que vai fortalecer a Federação e os Clubes que respeitem os regulamentos e a ética esportiva.

Podem consultar aqui as alterações que foram aprovadas, e já se encontram atualizados o Regulamento Geral de Competições e o Código de Disciplina, que podem consultar através deste site oficial.

Chama-se a atenção em especial dos Clubes, que as alterações entram IMEDIATAMENTE  em vigor

ALTERAÇÃO AO REGULAMENTO GERAL DE COMPETIÇÕES, PARA ENTRADA IMEDIATA EM VIGOR.
Artigo 53º
1.Os times serão sancionadas com falta de comparecimento (w.o.) ao jogo respectivo, quando
se verificar:
a)o não comparecimento em campo com um mínimo de 12 (doze) jogadores até 15 (quinze)
minutos depois da hora marcada para o início do jogo;
b)a não entrega ao árbitro até 30 (trinta) minutos antes da hora marcada para o início do jogo
dos cartões dos jogadores que irão participar neste, nos termos do Artigo 30º 3. e 4. deste
Regulamento ;
c)a impossibilidade de utilização do recinto de jogo à hora marcada para o seu início, se tal
facto for imputável ao clube que o apresentou;
d)a falta de requisição de policiamento do recinto de jogo quando tal for exigido ao clube
visitado, de acordo com o Artº. 50º deste Regulamento;
e)a falta de cumprimento por qualquer dos times das regras de substituição do árbitro, no
caso de ausência deste por qualquer motivo;
f)por falta de cumprimento do disposto no ponto 7 do Artigo 50º deste Regulamento;
g)abandono do terreno de jogo após o início do jogo;
h)a utilização de jogador não inscrito ou irregularmente inscrito, suspenso ou usando de falsa identidade.
2.Sem prejuízo do disposto no artigo 57º, os factos que possam dar origem à aplicação de falta de comparecimento (w.o.) a um time deverão constar expressamente da súmula do jogo, a qual deverá ser assinada pelo árbitro, capitães dos times e/ou delegados dos clubes.
3.No caso da utilização de jogador usando de falsa identidade, que venha a ser detectada posteriormente à realização do jogo, o clube adversário poderá comunicar a infração até 30 dias após a realização do jogo.

ALTERAÇÃO AO CÓDIGO DISCIPLINAR PARA ENTRADA IMEDIATA EM VIGOR
Art 194 Os clubes que, por si, pelos seus agentes desportivos ou pelos seus adeptos, cometam as infrações disciplinares previstas neste artigo, serão punidos com a perda de 3 (três) pontos numa competição por pontos ou com derrota, numa competição a eliminar, e mais as punições abaixo descritas:
I - Utilização em jogo das competições oficiais de jogador não inscrito ou irregularmente inscrito, suspenso ou usando de falsa identidade - multa de R$500,00 (quinhentos reais) a R$1.000,00 (hum mil reais);
II - Incidentes provocados por adeptos do clube que determinem a suspensão temporária do jogo – multa de R$500,00 (quinhentos reais) a R$1.000,00 (hum mil reais);
III - Incidentes provocados por adeptos do clube que determinem a interrupção definitiva do jogo – multa de R$1.000,00 (hum mil reais) a R$2.000,00 (dois mil reais);
IV – Walk Over (W.O.) nos termos do artigo 53º do Regulamento Geral de Competições - multa de R$1.000,00 (hum mil reais) a R$2.000,00 (dois mil reais);
V - Incidentes provocados por adeptos ou torcedores dos clubes, antes, durante ou após a realização do jogo e dentro das instalações desportivas:
§1° Que originem tentativas de agressão a jogadores, árbitros e agentes desportivos - multa de
R$1.000,00 (hum mil reais) a R$2.000,00 (dois mil reais);
§2° Que originem agressões a jogadores, árbitros e agentes desportivos - multa de R$2.000,00 (dois mil reais) a R$4.000,00 (quatro mil reais);
§3° As sanções acima referidas serão aplicadas ao clube cujos adeptos ou torcedores tiverem provocado os incidentes, mesmo que se trate de clube visitante;
VI - A pena de multa, no valor de R$1.000,00 (hum mil reais) será aplicada ao clube, como substituta da pena de suspensão, que seria normalmente imposta ao jogador menor de 14 anos de idade;

VII - O não pagamento da multa, implicará a suspensão do Clube inadimplente, nos termos previstos no Art 174.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

BALANCETE - 2016 MAIO

Publicamos hoje o Balancete da Federação de Rugby da Bahia referente ao mês de Maio de 2016, que  obteve o parecer favorável do Conselho Fiscal. Como habitualmente, caso desejem mais esclarecimentos sobre o período, devem contatar nos nossos serviços através do e-mail contato @bahiarugby.com.br

ASSEMBLEIA GERAL ELEITORAL TERÁ LUGAR NO DIA 15 DE JANEIRO

Em virtude de não ter sido possível realizar a Assembleia Geral Eleitoral na data prevista - dia 7 de dezembro último - pela hora tardia em que terminou o Torneio de Adustina onde se disputaram os Campeonatos Baianos de Sevens dos diversos escalões, a Assembleia foi marcada de novo, agora para o próximo dia 15 de janeiro, nos termos da convocatória subscrita pelo Presidente da Mesa, Gabriel Couto. Veja a convocatória CONVOCATÓRIA Nos termos dos Estatutos - Artigo 19º - 2), convoco a Assembleia Geral Eleitoral da Federação de Rugby da Bahia para o dia 15/01/2020 às 22h, no seguinte endereço: Avenida Contorno do Anel, 23, Quadra 6, Casa 4, Bairro Primavera, Vitória da Conquista, Bahia. As chapas concorrentes ao Conselho de Administração (CA) e Conselho Fiscal, bem como o programa eleitoral do CA (Art. 19º-5) devem ser enviadas ao e-mail gabrielpcouto@gmail.com e admin@bahiarugby.com.br até dia 14/01/2020 às 23h 59 min. Os delegados das filiadas ou representantes dos pod

BAIANO DE SEVENS MOSTRA O CAMINHO A QUEM REALMENTE GOSTA DE RUGBY

Serigy sagra-se campeão baiano de sevens adulto masculino pela primeira vez, vencendo o Porto Seguro na final por 26-07. Na fase de apuramento o time de Aracajú já tinha vencido o Porto Seguro por 21-12 e o Adustina por 26-07, e o Porto Seguro bateu o Adustina por 22-07, ganhando o direito a estar na final com o Serigy. Enquanto isso no adulto feminino o Porto Seguro levou de vencida a equipa de Adustina com um agregado de 33-26, resultado de um empate a 19 pontos e uma vitória por 14-07. Note-se que a participação no escalão Adulto dos times de Adustina reflete o excelente trabalho de desenvolvimento que tem sido realizado pelo professor Adenílcio Rodrigues - que não por acaso é o Diretor de Desenvolvimento da FRB - com o apoio da Prefeitura, em especial do seu Secretário de Esportes, Paulo César. O rugby em Adustina tem crescido, os seus jovens atletas foram crescendo, e agora já estão no escalão adulto! Mas o mais importante é que a par deste crescimento com os mais vel