Tecnologia do Blogger.

quinta-feira, 17 de dezembro de 2015

ORGANIZAÇÃO E DISCIPLINA NA PAUTA DA FRB

A atual gestão federativa eleita no dia 21 de Novembro identificou as áreas em que a sua atuação se impõe com maior urgência, e colocou no topo das suas prioridades a elaboração de todos os Regulamentos e Códigos que vão permitir a todos os intervenientes no processo de evolução do rugby baiano saberem exactamente como devem agir, e quais serão as consequências dos seus atos, sempre que não respeitem as normas e os princípios de que tanto nos orgulhamos no rugby, no Brasil ou em qualquer outra parte do mundo.

Ainda antes das eleições, como Comissão de Gestão, a atual equipa federativa  deu início a uma política de transparência que impede seja quem for de fazer acusações que eram correntes na vida do rugby baiano antes do dia 8 de Agosto, de apropriação indevida de fundos ou aplicação danosa dos mesmos.

Hoje as receitas e as despesas da FRB são públicas, é publicado mensalmente um relatório do Conselho de Administração sobre as mesmas, no site Oficial da entidade, e a partir deste mês, o Conselho Fiscal passará a emitir, também mensalmente, um parecer sobre as contas da Federação.

Convém referir que a entrada em funcionamento do site Oficial da FRB foi a primeira medida da atual gestão, e que ele pretende ser - e já é - um colaborador de todos os que se interessam por rugby, particularmente na Bahia.
Nele se encontram uma série de documentos técnicos de interesse para jogadores, treinadores e árbitros, além de uma informação muito completa sobre todas as áreas da vida do rugby baiano.

Mais tarde, a tempo para que as eleições de Novembro decorressem de forma ordenada e que situações como aconteceram no passado, de assembleias populistas, em que cada pessoa presente tinha direito a um voto, em clara contradição com a natureza da própria Federação, que é composta de entidades filiadas, e, elas sim, têm direito a voto, nos termos definidos nos Estatutos, a gestão atual aprovou e publicou um Regulamento Eleitoral que já regulou o ato eleitoral de 21 de Novembro.

Agora, depois de ter sido publicado o Calendário de Competições para a temporada de 2016 - para que todos, sem excepção saibam com antecedência exactamente quando terão compromissos de rugby, e possam assim organizar as suas vidas - a preocupação do Conselho de Administração virou-se para as questões ligadas directamente à disciplina.

Foi criado um Código de Disciplina que, embasado no Código de Disciplina da CBRu, vai punir não apenas as infrações disciplinares cometidas em campo, como deu grande importância à punição de indivíduos - como aconteceu anteriormente no rugby da Bahia - que não querendo cumprir as mais básicas normas de funcionamento da Federação, como seja por exemplo que só podem ser filiados nela entidades ou associações formalmente constituídas e possuidoras de CNPJ, ao verem frustrados os seus intentos, partem para o insulto e a agressão.

Com a aprovação no dia 15 de Dezembro, do referido Código de Disciplina, esses indivíduos serão formal e severamente punidos, para que se mantenha o cumprimento dos estatutos e dos regulamentos, dentro de princípios de boa educação, respeito, civismo e disciplina.
A atual gestão da Federação de Rugby da Bahia não terá qualquer tolerância com indivíduos que tenham um comportamento que ponha em questão o bom nome do rugby, das federações e daqueles que dirigem a modalidade, gerando publicidade negativa de seus praticantes e clubes filiados.

O Código de Disciplina encontra-se - como o da CBRu - dividido em dois Livros, sendo o Livro 1 dedicado à Organização da Justiça Desportiva, e o Livro 2 dedicado às Medidas Disciplinares propriamente ditas.
O Livro 1 - que pode ser consultado aqui - que a FRB adotou foi integralmente copiado do mesmo Livro da CBRu, e note-se que nele se prevê a instituição de Comissões de Disciplina e de um Tribunal de Justiça Desportiva de âmbito Estadual - a FRB está a preparar a sua nomeação durante o mês de Janeiro - sendo que a FRB recorrerá, quando necessário, ao Supremo Tribunal de Justiça Desportiva, nomeado pela CBRu e já em funções.

Quanto ao Livro 2, foram introduzidos alguns novos aspectos, agravadas algumas punições, e ele pode ser acessado através deste link.
Aconselhamos todos os clubes e todos os praticantes ou pessoas ligadas a clubes ou à modalidade em geral, que o leiam com atenção e entendam que não haverá qualquer tolerância na sua aplicação.

Aproveitamos para informar que está suspensa, desde hoje, dia 17 de Dezembro, e até à publicação do Regulamento de Filiação, mas nunca ultrapassando o dia 31 de Dezembro, a receção de pedidos de filiação à FRB.
O referido Regulamento será publicado antes do final do ano, e vai regular a forma como devem proceder aqueles que pretendem filiar-se à FRB.

0 comentários:

CALENDÁRIO OFICIAL 2018

CALENDÁRIO OFICIAL 2018